Brasil
Publicada em 07/12/2017 às 23h18. Atualizada em 07/12/2017 às 23h18
Policial civil que sumiu após sair de casa está morta, diz delegado
Karla Lopes saiu para caminhar na manhã de quarta-feira e não retornou para casa.
Por: Marcos André Fonte:G1


Karla Silva de Sá Lopes saiu de casa na quarta e não foi mais vista (Foto: Reprodução/NSC TV)

A policial civil recém-formada Karla Silva de Sá Lopes, de 28 anos, foi encontrada morta, informou a Polícia Militar na noite desta quinta-feira (7). A corporação não passou mais informações sobre as circunstâncias da morte ou onde o corpo foi achado. A policial civil saiu de casa em Itapema, no Litoral Norte, na manhã de quarta (6) para caminhar e não foi mais vista.

Karla havia saído de casa por volta das 7h30. O marido dela, o policial militar Fernando Lopes, foi quem notificou o desaparecimento à Polícia Civil na delegacia de Itapema.

O advogado do marido, Luiz Eduardo Righetto, disse ao G1 que o policial prestou depoimento à Polícia Civil na noite desta quinta e que entregou para a perícia a arma que usa profissionalmente. Ele nega que tenha matado a mulher.

Ela é da última turma formada pela academia da Polícia Civil e deveria se apresentar até dia 12 deste mês para atuar em Otacílio Costa, na Serra. O caso está sendo investigado pela Divisão de Investigação Criminal de Balneário Camboriú.

Tags: Cotidiano, Brasil,
Política
TSE pode cassar eventual diplomação de Lula e Bolsonaro, diz Gilmar
Recife
Advogado ferido em acidente de trânsito no Recife que deixou três mortos recebe alta
Entretenimento
Túlio Gadelha fala sobre William Bonner pela primeira vez
COMENTÁRIOS
Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente a do PortalPE10.
A responsabilidade é do autor da mensagem.