Mundo
Publicada em 10/10/2017 às 14h23. Atualizada em 10/10/2017 às 14h23
Modelo de propaganda racista diz que foi enganada: 'Vai contra o que acredito'
Lola Ogunyemi publicou artigo em que repudia teor do vídeo.
Por: Redação PortalPE10 | Fonte: Diário de Pernambuco

Foto: Reprodução
A modelo negra Lola Ogunyemi, que estrela a propaganda da marca de cosméticos Dove, retirada de circulação após receber acusações de racismo na última semana, afirmou que não aceitaria o trabalho se soubesse como seria apresentada no vídeo. A declaração foi realizada em um artigo publicado pelo jornal britânico The guardian.

No texto, Lola diz que "se tivesse a mínima noção de que eu seria retratada como inferior ou como o 'antes' de uma edição com antes e depois, eu teria sido a primeira a dizer um enfático 'não'". "Isso vai contra tudo o que eu acredito", afirmou a modelo, indignada com o teor da campanha publicitária. No vídeo da ação, uma mulher negra tira a camiseta para dar lugar a uma mulher branca, que também retira sua camiseta para dar lugar a uma terceira mulher.

Depois da repercussão negativa em torno do comercial, a Dove reconheceu o erro e se desculpou através de nota oficial publicada no Twitter e no Facebook da empresa. "Em uma imagem publicada esta semana, erramos ao representar as mulheres de cor, e lamentamos profundamente os danos causados", diz o comunicado.

Palmares
Prefeitura realiza obras na área de entorno da rodoviária de Palmares,PE
Brasil
Papai Noel é alvo de pedradas de crianças ao ficar sem balas no interior
Acidente
Carreta tomba em trecho da BR-101, após condutor perder controle do veículo
COMENTÁRIOS
Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente a do PortalPE10.
A responsabilidade é do autor da mensagem.