Futebol
Publicada em 02/10/2017 às 07h47. Atualizada em 02/10/2017 às 07h47
Com o Z-4 no retrovisor do Sport, Luxa critica número de rebaixados: "Injusto"
Treinador vê exagero em quantidade de clubes que caem para a Série B do Brasileiro
Por: Bruna Cavalcante Fonte:UOL


Vanderlei Luxemburgo acredita que número de rebaixados para a Série B é injusto  (Foto: Marcos Ribolli)

Vanderlei Luxemburgo decidiu criticar a fórmula do Campeonato Brasileiro, após ver seu time ser derrotado para o São Paulo, por 1 a 0, neste domingo. Com a mesma pontuação do Avaí, que abre a zona de rebaixamento com 30, e podendo entrar no Z-4, caso a Ponte Preta, que tem 28, vença o Flamengo, nesta segunda-feira, o treinador destacou o que, para ele, é injusto: o número de clubes que caem para a Série B.

- O Campeonato Brasileiro é muito difícil. O meu parecer não é só achar que está perto da zona da degola. O meu questionamento é se é justo cair 20% dos clubes. Sempre terá um clube grande caindo. Acho que é muito. Não sei se isso é por questões comerciais, mas eu não tenho que cuidar disso. Mas desde que iniciou a competição dessa forma, sempre tem um grande clube caindo. Ou você está na parte de cima ou lutando para cair – disse o treinador, questionando a fórmula iniciada em 2006.

Em relação ao momento do Sport, que não vence há nove jogos, Luxemburgo acredita que o time precisa de um pouco mais de sorte. Segundo o treinador, o Rubro-negro não tem vencido nem mesmo quando joga bem. Situação que o dá confiança para tirar o clube da má fase.

- A gente joga bem, mas não vence. Sabemos que temos condições. Contamos com os jogos da Ilha do Retiro. O que nos dá segurança é que vemos a equipe produzindo. Temos a preocupação normal, porque estamos perto, mas temos a confiança de que vamos sair.

Sobre o duelo contra o São Paulo, Luxemburgo acredita que o Sport conseguiu realizar um jogo equilibrado e que poderia sair de campo com um resultado favorável.

- O jogo estava equilibrado no primeiro tempo e acharam o gol numa bola que rebateu na defesa. No segundo tempo nós jogamos o São Paulo para trás e fomos melhores.

Ciente de que a saída de Anselmo, que vinha atuando bem, causou estranhamento entre os torcedores, Luxemburgo explicou que a saída do atleta para a entrada de Thomás foi motivada por cansaço.- Ele cansou. Ele estava jogado bem, mas ele cansou. Não era a mudança que eu queria fazer.

Tags: Esporte,
Tecnologia
Perdeu a parada? Google Maps vai te avisar a hora de descer do ônibus
Política
TCE-PE diz que 71,7% das câmaras de vereadores descumprem padrão de transparência
Mundo
Explosão em Nova York foi tentativa de ataque terrorista
COMENTÁRIOS
Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente a do PortalPE10.
A responsabilidade é do autor da mensagem.