Brasil
Publicada em 18/06/2017 às 17h45. Atualizada em 18/06/2017 às 17h45
Mãe não tem conhecimento de desavenças do filho e da namorada mortos a tiros
Crime aconteceu quando Diogo trocava o pneu do carro, a cerca de 100 metros da casa de Mariana Helena
Por: Marcos André Fonte:G1


Marina Helena e Diogo são mortos a tiros em Aparecida de Goiânia (Foto: Arquivo pessoal/ Victor Siqueira)

Os parentes do casal de namorados Diogo Alves Nunes, de 21 anos, e Mariana Helena Siqueira Matias, de 20, estão indignados com o assassinato deles, em Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital. Os familiares afirmam que não têm conhecimento de desavenças dos jovens, pois eram queridos por todos.

“Nunca imaginei que meu filho fosse morrer dessa forma, meu coração está quebrado, destruído. Eles eram pessoas maravilhosas”, disse ao G1 a mãe de Diogo, a administradora Maria José Alves Nunes, de 49 anos.

O duplo homicídio aconteceu na noite de sexta-feira (16), no Setor Mont Serrat. Segundo o Grupo de Investigação de Homicídios (GIH), Maria Helena foi encontrada morta na porta de casa. Já o namorado estava caído ao lado do carro do pai dele, um VW Jetta, a cerca de 100 metros do corpo da jovem.

O delegado Fabrício Flávio Pereira, que foi no local do duplo homicídio, suspeita que os criminosos tenham agido de forma premeditada, cortando o pneu do automóvel para obrigar Diogo a parar e trocá-lo. No momento do crime, o veículo estava suspenso por um macaco hidráulico, com o estepe e a chave de roda ao lado.

Segundo a equipe do GIH, os policiais encontraram 17 perfurações no corpo de Mariana e outras nove, no de Diogo. Porém, a quantidade de tiros só será confirmada após o laudo do Instituto Médico Legal.

Cotidiano
Homens mataram e depois estupraram meninas, diz polícia
Brasil
Aluno premeditou ataque que deixou 2 mortos e 4 feridos em escola de Goiânia
Brasil
Chuva de meteoros poderá ser vista neste fim de semana em Pernambuco
COMENTÁRIOS
Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente a do PortalPE10.
A responsabilidade é do autor da mensagem.